Droga para HIV pode servir contra câncer de colo uterino PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrador   
Qua, 04 de Maio de 2011 21:57

Lopinavir ataca também vírus responsável por causar os tumores. (Foto: g1.com)Uma equipe da Universidade de Manchester, no Reino Unido, revela que a droga lopinavir, usada no combate ao vírus HIV também pode combater o vírus do papiloma humano (HPV, na sigla em inglês), que pode causar câncer de colo uterino. A descoberta foi divulgada na publicação científica “Antiviral Therapy”.

Segundo os cientistas, o medicamento consegue alterar um sistema de defesa do vírus em células infectadas nas mulheres. O estudo consolida um trabalho anterior da mesma equipe, feito em 2006, que identificou o efeito do lopinavir contra cânceres ligados ao HPV em testes de laboratório.

Apesar de já existirem vacinas contra o HPV, as imunizações não funcionam em mulheres que já adquiriram o vírus. Outro problema está no fato de nem todas as versões do micro-organismo serem combatidas pelas vacinas disponíveis atualmente. Há ainda o problema do preço: são medicamentos caros, fabricados por poucas empresas no mundo.

Mas apesar do otimismo, a equipe de Manchester alerta que o efeito do lopinavir contra o HPV só acontece quando são administradas doses até 15 vezes maiores que as recebidas normalmente por pacientes com Aids. Para os cientistas, o melhor método de aplicação seria por meio de cremes. Atualmente, o medicamento é disponível em formato de comprimidos.

O HPV mata - por meio do desenvolvimento de tumores malignos – 290 mil pessoas por ano. O vírus, transmissível sexualmente, ainda pode causar outros tipos de câncer na boca, no pescoço e no ânus de homens e mulheres.

 

Fonte: g1.com, maio de 2011

Última atualização em Sáb, 21 de Maio de 2011 18:14
 

Laboratório Bioclinico

Exames de Rotina